26/07/2023 às 11h07min - Atualizada em 26/07/2023 às 11h07min

Polícia prende três suspeitos de tentativa de homicídio em Campos

Crime aconteceu em Rio Preto

Redação
Foto: Polícia Civil
A Polícia Civil prendeu três suspeitos de participarem da tentativa de homicídio mediante espancamento de uma vítima na localidade de Rio Preto. A prisão aconteceu às 05h30 desta quarta-feira (26).

Coordenados pela Delegada Natália B. Patrão, agentes da 134ª, com apoio da Polícia Militar, cumpriram mandados de prisão preventiva contra três denunciados pelo Ministério Público por homicídio tentado qualificado.

No dia 29 de abril de 2023, na Rua da Torre, na localidade de Rio Preto, os presos tentaram matar a vítima mediante espancamento. No dia dos fatos, a vítima estava sozinha em sua casa quando ouviu alguém chamando na porta. Ao atender, deparou-se com os suspeitos, quando sofreu o primeiro golpe na cabeça, uma madeirada que fez a vítima cair no chão. Em seguida, passaram a desferir socos, chutes e "madeiradas", em todo o corpo da vítima, especialmente na região craniana.

Durante as agressões, todos, de forma enfática, diziam que matariam a vítima ali mesmo, já que ela teria se negado a pagar uma suposta dívida, no valor de R$ 20. Eles seguiram agredindo a vitima até este perder a consciência, momento em que se retiraram do local, acreditando que estaria morta. No entanto, a vítima foi socorrida ao Hosítal Ferreira Machado, tendo conseguido se recuperar dos graves ferimentos sofridos.

Ouvido em sede policial, a vítima identificou os autores da agressão, informando com clareza a dinâmica dos fatos, individualizando a conduta de cada um.

Policiais Militares declararam que os presos pertencem à facção criminosa dominante na região, cujo líder também foi preso.

Todos possuem anotações criminais por diversos crimes e se encontram presos na 134ª-DP e serão encaminhados à Casa de Custódia.



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://maiscampos.com.br/.