31/07/2023 às 16h34min - Atualizada em 31/07/2023 às 16h34min

Teatro Municipal Trianon completa 25 anos nesta segunda-feira

Cerimônia e espetáculo com artistas da terra marcarão celebração do Jubileu de Prata

Redação
Foto: Antônio Filho
O Teatro Municipal Trianon – um dos mais belos cartões postais do município – celebra nesta segunda-feira (31), seu 25º aniversário. Equipamento da Prefeitura de Campos, a casa de espetáculos é administrada pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL). Para celebrar o Jubileu de Prata do Trianon, diversas atividades marcarão a programação que terá início às 18h, com o descerramento de uma placa, seguida do lançamento do Selo Comemorativo dos Correios e da entrega do Troféu Kapi. A última atividade será a encenação do espetáculo “A Magia do Trianon – do clássico ao contemporâneo”, às 20h, com convites já esgotados.

Construído em um terreno de 10 mil m², na área central de Campos, o Novo Trianon é fruto da luta da classe artística do município, que, em 1975, presenciou a demolição do Cine Teatro Trianon. Com sua Pedra Fundamental instalada em 13 de novembro de 1991, pelo ex-prefeito Anthony Garotinho, o Trianon teve sua construção realizada durante sete anos, contando com campanhas e doações para que pudesse ser finalizada.

Em 31 de julho de 1998, Campos ganhava o Teatro Municipal Trianon, com projeto do arquiteto campista José Luis Piglia, inspirado no Metropolitan Opera House, de Nova York. Inaugurado pelo ex-prefeito Arnaldo Vianna, o grande templo da cultura campista surgia para iniciar uma nova era no universo das artes, colocando Campos na rota dos grandes espetáculos nacionais e abrindo espaço para que os talentos da terra pudessem ocupar um grandioso complexo para exibir seus trabalhos.

Depois de “Rota”, da Cia. de Dança Deborah Colker – primeiro espetáculo apresentado no palco do Trianon –, as cortinas se abriram por diversas vezes, recebendo astros que deixaram saudade, como Paulo Autran, Bibi Ferreira e Jô Soares. Na música, Maria Bethânia, Milton Nascimento e Djavan encabeçam uma longa lista de astros. A dança se fez representada pelas maiores companhias do país e por grandiosas apresentações de ídolos, como Ana Botafogo e Carlinhos de Jesus.

Em 2011, no governo da ex-prefeita Rosinha Garotinho, o Trianon passou por sua primeira reforma, ganhando novos equipamentos. No palco, foi instalado o Fosso de Orquestra – moderno sistema com elevadores do piso –, utilizado em apresentações de óperas, igualdo o Trianon ao Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Em 2012, o complexo ganhou um anexo de 204,62 m², utilizado para a construção de cenários e para a instalação de sua central técnica e operacional.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://maiscampos.com.br/.