09/08/2023 às 07h51min - Atualizada em 09/08/2023 às 07h51min

Campos está perto de se tornar polo do SAMU na Região Norte Fluminense

Redação
Foto: Divulgação
A implantação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) em Campos tornará o município em polo da Região Norte Fluminense. Este foi um pleito do prefeito Wladimir Garotinho que prontamente foi atendido pelo Governo do Estado. E nesta terça-feira (8), em Brasília, gestores da Fundação Municipal de Saúde (FMS), durante reunião, destacaram a importância do serviço como forma de ampliar ainda mais o atendimento de emergência na região.

Em março deste ano, o prefeito Wladimir Garotinho e toda a equipe da Secretaria Municipal de Saúde receberam do vice-governador Thiago Pampolha e do secretário de Estado de Saúde, Dr. Luizinho, as chaves das 15 ambulâncias do SAMU. À época, o prefeito destacou que a implantação do SAMU fazia parte do plano de governo. “É um instrumento extraordináriopara que o socorro chegue mais rápido e vidas possam ser salvas. Esse é o trabalho que a gente tem feito na nossa saúde. Salvar vidas é o que importa”.

Participaram do encontro o presidente da Fundação, Arthur Borges, o superintendente de Faturamento e Finanças da FMS, Filipe Mocaiber, a gerente de Enfermagem, Natalia Cunha, o secretário executivo do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento do Norte e Noroeste Fluminense (CIdennf), Vinicius Viana, e o deputado federal Lindbergh Faria.

Arthur Borges explicou que é uma importante missão unificar a rede de urgência e emergência de Campos e região, destacando que com a implantação do SAMU cada município saberá aonde atender o paciente de forma correta. “Nesse encontro, ideias e preocupações foram compartilhadas, convergindo para a elaboração de um plano de implementação sólido e adaptado às nuances específicas da região. Teremos 10 bases, mas com a central em Campos para fazer a regulação de toda região. A reunião representa um marco determinante no processo de expansão do SAMU, congregando esforços e delineando um futuro promissor para a prestação de assistência médica emergencial”, comentou Arthur.



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://maiscampos.com.br/.