11/09/2023 às 19h17min - Atualizada em 11/09/2023 às 09h17min

MEC disponibiliza mais de R$ 5 milhões para obras no IFF

Campus de Guarus e Cabo Frio serão beneficiados

Redação
Foto: Reprodução
O Ministério da Educação  disponibilizou R$5.850.000 (cinco milhões e oitocentos e cinquenta mil reais) para obras no Instituto Federal Fluminense (IFF). Os recursos serão destinados para a construção de laboratórios, no Campus Cabo Frio, e obras de infraestrutura no Campus Campos Guarus.
 
De acordo com o diretor de Infraestrutura da Reitoria, Marcelo da Silva Peixoto, os trâmites para licitação e futura contratação dessas obras devem estar concluídos até novembro. “Assim, consolidamos o esforço do Instituto Federal Fluminense na busca de recursos para a conclusão das obras paralisadas”, destaca. 
 
Para o Campus Cabo Frio, foram destinados R$4.000.000 (quatro milhões de reais) para a construção de uma área de 1.434,29 m² que abrigará laboratórios da área de indústria. O prazo previsto para a conclusão da obra é de 18 meses.

 "Essa obra estava parada há 10 anos, mas com a retomada dos investimentos do Governo Federal para a parte de infraestrutura, poderemos atender às demandas reprimidas de laboratórios para a área da indústria e, ao mesmo tempo, ampliar o espaço de outros laboratórios para o eixo de hospitalidade e lazer e formação de professores”, informa Victor Saraiva, diretor-geral da unidade.

Já no Campus Campos Guarus, a verba é no valor de R$1.850.000 (um milhão e oitocentos e cinquenta mil reais) para a conclusão de duas guaritas, sendo uma junto ao prédio da Reitoria e a outra junto ao Bloco G. Também será realizado o cercamento da área de 50 mil m² da unidade, no perímetro de divisa com a BR 101, a Av. Profa. Carmem Carneiro e Exército. O prazo previsto para a conclusão da obra é de 15 meses. 
 
“A disponibilização deste recurso extraorçamentário foi de suma importância para o Campus Campos Guarus. Sabemos que a verba disponibilizada não irá contemplar todo o projeto idealizado em 2014 - que também incluía a urbanização -, contudo, trará melhorias quanto à logística de acesso ao campus, além de possibilitar o início da integração entre a unidade e a Reitoria do Instituto”, ressalta Thatiane de Souza Medeiros, diretora-geral do campus.
 
De acordo com o reitor do IFFluminense, Jefferson Manhães de Azevedo, as duas obras foram indicações de prioridades institucionais feitas ao Ministério da Educação (MEC). Com a retomada desses dois projetos, estaremos concluindo nosso ciclo de gestão com todas as obras concluídas ou com recurso pleno para conclusão. Isso fortalece o nosso instituto  e é um sinal de um novo ciclo virtuoso de investimentos na educação pública do nosso país", disse o reitor.
 
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://maiscampos.com.br/.